Gosto de gostar.De gestos,lugares,memórias e sabores.Não gosto de dissabores e desamores.Gosto de ti e de mim em ti.Gosto de (me )partilhar e de (me) manter em segredo.Não gosto de ter medo e que me falte a coragem.Gosto da adrenalina que isso me provoca.Gosto de provocações e reacções de choque.Não gosto do “Rosa Choque” e outros feminismos estereotipados.Gosto de descobrir o “pote” no fim do arco-íris.Especialmente quando este é cinzento.Gosto de analisar. Comportamentos, gente,sentimentos,palavras.Não gosto de análises e “diagnósticos” equívocos.Gosto de mistérios e de quem me “quebra-(a)-cabeça”.Não gosto de adivinhar o final antes de tempo.Gosto de poesia e versos soltos.Não gosto de rimas forçadas.Gosto de café com amigos a acompanhar.Não gosto da solidão como pano de fundo.Não gosto de estar sózinha por imposição e de más-companhias (mesmo quando são “boas”).Gosto de dizer o que penso e fazer o que quero.Não gosto de ter que pagar um preço tão alto.Gosto de ir ao “fundo da questão” e de deixar a resposta “a meio”.Gosto de reticências e pontos de exclamação.Não gosto de travessões mal semeados.Gosto de olhares e do que carregam dentro.Não gosto de quem se esconde por detrás das lentes fumadas dos óculos escuros “psicológicos”.Gosto de gargalhadas,risos e sorrisos.Não gosto dos amarelos.Gosto de chorar sempre que me apetece.Não gosto que me sequem as lágrimas.Gosto de “apetites” inusitados e do imprevisto.Não gosto de previsões e não acredito em destinos traçados a régua e esquadro.Gosto de encruzilhadas e de não saber o caminho.Não gosto que me digam que errei o trajecto.Gosto de papel em branco e escrever torto por linhas direitas.Não gosto da Direita.Nem do Centro.Nem da Esquerda.Gosto do centro de Lisboa.Não do Comercial.Gosto da Baixa e do Bairro Alto.Gosto de andar a pé em ruas sem carros.Não gosto de conduzir, nem de andar de autocarro.Não gosto do “cidadão comum”.Prefiro descobrir as diferenças.Gosto de Pessoa.Gosto de Pessoas.E de não gostar de todas.Gosto da noite e de insónias com estrelas por candeeiro.Não gosto das olheiras com que acordo no outro dia.Gosto de diários e letras.De música, poemas,revistas,jornais,livros,rascunhos,rabiscos…não gosto de usá-las todas de uma vez.Gosto de que fique muito por dizer e saber que o posso “degustar” tudo outra vez.Gosto e desgosto.Com gosto.

8 thoughts on “About a Girl

  1. Acima de tudo é bom gostar de alguma coisa,significa que não gostas da indiferença nem que te fiquem indiferentes. Afinal gostar disto e daquilo, de tudo ou de nada é que faz de nós pessoas de quem os outros gostam.
    PS:Gostei do teu blog😉

  2. Espero que tenhas encontrado o pote no fim do arco-iris😉
    Para q me possas devolver um “secret smile” !

    ***
    Paulo

    made in Estocolmo, por enquanto… até a proxima paragem!

  3. ola natercia cmo sempre estas linda.
    tens uma voz excelente.
    tenho mt orgulho em ser tua amiga.
    continua sempre com essa boa disposiçao.
    estamos aki para te apoiar.
    és a estrela da noite.
    muitos beijinhos da lyly e do kikas

Deixe mensagem após o sinal...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s